Um canto para leitura e reflexão

Posts marcados ‘ocultismo’

Brasil em trevas, precisando da Luz

No último domingo, 15/7, o Brasil recebeu a confirmação daquilo que todo brasileiro já sabe: o envolvimento dos homens do poder com os poderes das trevas. Em uma entrevista exclusiva ao programa da rede globo, Fantástico, a ex-primeira dama do Brasil, Rosane Collor, disse que seu ex-marido, e então Presidente do Brasil, hoje Senador, Fernando Collor de Melo, realizava “rituais de magia negra” na Casa da Dinda, residência da família Collor em Brasília. A revelação não pegou ninguém de surpresa, pois uma rápida pesquisa na net mostra inúmeras denúncias neste sentido. Os moradores de nossa vizinha cidade de Codó (MA) têm muito que contar a este respeito.

Os poderes das trevas perpassam o poder político e perpetuam-se nos meios de comunicação de massa. Muitos, como diz o adágio popular, “vendem a alma ao Diabo” para conseguir sucesso e poder. Qual brasileiro não leu algo sobre um artista ou cantor que fez pacto com as trevas para ter sucesso? Quem, de igual modo, não leu ou viu um vídeo sobre algo semelhante envolvendo um político?

A Bíblia diz que o que vive nas trevas não sabe para onde vai, porque as trevas lhe cegaram os olhos (I Jo 2.11). Também afirma que as trevas são opostas a Deus. Deus é luz, é dia, e não tem comunhão alguma com as trevas (I Jo 1.5). Há uma tentativa diabólica dos que são envolvidos com as obras das trevas em passar a ideia que isto é bom, saudável e de Deus. Tentam chamar o amargo de doce, o mal de bem e a trevas de luz (Is 5.20). Não se deixe enganar, trevas são trevas. Não há pacto entre Deus e o Diabo (II Co 6.14-16).

A entrevista de Rosane nos deixa algumas lições: 1. “Pelo que, saí vós do meio deles e separai-vos, diz o Senhor” (II Co 6.17). E pensar que muitas igrejas pactuam com homens que sacrificam animais nos porões de suas casas, em pactos diabólicos! Mais triste é que estes mesmos homens têm ocupado púlpitos dedicados ao Senhor e à pregação de Sua santa Palavra, e, à cata de votos, citam a Bíblia e ainda recebem aplausos dos crentes. É bom seguir a Palavra: “e não vos associeis às obras infrutuosas das trevas, antes, porém, condenai-as” (Ef 5.11); 2. “São guias cegos; ora, se um cego guiar outro cego, ambos cairão no barranco” (Mt 15.14). Assim está nossa pátria. Homens cegos nos liderando. Falam em Deus sem o conhecer, citam a Palavra de Deus sem intimidade com ela, falam de santidade sem nenhuma noção de pureza, celebram cultos por formalidade e fingem adoração para agradar a homens, “sepulcros caiados” é o que são; 3. “Esta casta não sai de modo algum, salvo à força de oração e jejum” (Mc 9.29). Os discípulos de Jesus não imaginavam que alguns tipos de demônios não eram expulsos por simples determinação, mas que, para serem enfrentados, se fazia necessária uma preparação espiritual específica. Creio que precisamos entender isto sobre o Brasil. Há um comprometimento dos poderes e das instituições com o espiritismo, daí o seu crescimento, segundo dados do IBGE, em 65% nos últimos dez anos. A igreja de Cristo precisa encarar esta situação com oração e jejum. Campanhas como “Seja Luz – 100 dias de intercessão pelo Brasil”, da JMN, precisam tornar-se habituais, ou não conseguiremos libertar nossa pátria da escuridão espiritual em que se encontra; 4. “Muitos também dos que tinham praticado artes mágicas ajuntaram os seus livros e os queimaram na presença de todos” (At 19.19). Este foi o resultado da pregação de Paulo na cidade de Éfeso. Este também será o resultado em qualquer lugar em que o evangelho for pregado, portanto, preguemos a tempo e fora de tempo, anunciemos Jesus, a verdade que liberta (Jo 8.32,36).

Pr Gilvan Barbosa

Anúncios

Nuvem de tags