Um canto para leitura e reflexão

Posts marcados ‘Desvio’

Imagem

“NÃO VOS DESVIEIS”

Como é fácil nos desviarmos neste mundo! Ele é cheio de distrações, superficialidades, futilidades, encantamentos e desencantos. Facilmente esquecemos o foco da vida e deixamos de fazer daquilo que é principal a coisa principal. Quantos desvios por banalidades, distrações, entretenimentos e prazeres instantâneos! Quanto tempo perdido por nada!

Em I Samuel 12.21, Samuel adverte o povo: “não vos desvieis; porquanto seguiríeis coisas vãs, que nada aproveitam, e tampouco vos livrarão, porque são vãs”. O que Samuel queria era que o povo permanecesse fiel a Deus e à Sua Palavra, e não se desviasse, envolvendo-se com coisas vãs, coisas sem proveito, que para nada servem e também não o livraria em tempo de juízo. Recomendação semelhante é feita por Josué a este mesmo povo, quando entrou na terra prometida e a possuiu: “Porque se de algum modo vos desviardes, e vos apegardes ao resto destas nações que ainda ficam entre vós, e com elas contrairdes matrimônio, e entrardes a elas, e elas a vós, sabei com certeza que o Senhor vosso Deus não continuará a expulsar estas nações de diante de vós; porém elas vos serão por laço e rede, e açoite às vossas ilhargas, e espinhos aos vossos olhos, até que pereçais desta boa terra que o Senhor vosso Deus vos deu (Js 23.12,13).

Escrevendo ao jovem pastor Timóteo, Paulo recomenda que não se desvie do dom recebido de Deus, dando ouvido a “fábulas profanas” (I Tm 4.6,7). Paulo também diz que uma das características deste mundo secularizado é o desvio da verdade e o envolver-se com fábulas, contos, distrações (II Tm 4.4). É assim que vive o mundo de hoje, desviado da verdade e perdido em distrações, contos e fábulas. As igrejas estão cheias de crentes desviados, longe da verdade, envolvidos com distrações e entretenimento. Até os cultos tornaram-se centro de entretenimento. As pregações tornaram-se contos, histórias, momento de conduzir a plateia a esquecer dos males da vida… uma verdadeira terapia de grupo… em alguns casos, um picadeiro.

É hora de repetirmos uns aos outros, olho no olho, o alerta de Samuel: “não vos desvieis”. E quando falarmos, não esquecer que desviar será sempre de alguém e de algo. O que Satanás deseja é nos distrair, nos envolver com futilidades, de tal modo que esqueçamos “de quem” somos e “para que” somos. O alerta de Josué e Samuel era neste sentido. No Novo Testamento Pedro deixa isto ainda mais patente: “mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as grandezas daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz” (I Pd 2.9).

Duas coisas, das quais você não pode se desviar: do Senhor e da missão que Ele lhe deu. Faça do Senhor seu único Deus, ame-o com todo o seu coração, força, alma e bens. Priorize a obra do Senhor. Sua missão neste mundo é anunciar as grandezas daquele que lhe chamou das trevas e da perdição, para sua maravilhosa luz e salvação. O Senhor e sua obra de salvação, eis as duas prioridades de sua vida. Não se desvie do Senhor! Não se desvie da obra do Senhor!

Pr Gilvan Barbosa

Anúncios

“NÃO VOS DESVIEIS”


Como é fácil nos desviarmos neste mundo! Ele é cheio de distrações, superficialidades, futilidades, encantamentos e desencantos. Seu retrato de banalidade? Nas últimas semanas o assunto mais comentado era a viagem de uma jovem ao Canadá. Ela foi citada por seu pai em um comercial. A garota voltou e se tornou celebridade, protagonista de comerciais e de entrevistas em televisão, jornais, etc. Tal a repercussão que uma rede de magazine, resolveu mudar o nome (coincidência, o mesmo nome da garota), e a colocou como promotora da campanha nacional. Quanta futilidade! Mas, este é o mundo em que estamos inseridos para viver o cristianismo.

O título deste texto vem de I Sm 12.21, quando Samuel adverte o povo: “não vos desvieis; porquanto seguiríeis coisas vãs, que nada aproveitam, e tampouco vos livrarão, porque são vãs”. O que Samuel queria era que o povo permanecesse fiel a Deus e à Sua Palavra, e não se desviasse, envolvendo-se com coisas vãs, coisas sem proveito, que para nada servem e também não o livraria em tempo de juízo. Recomendação semelhante é feita por Josué a este mesmo povo, quando entrou na terra prometida e a possuiu (Js 23.12,13).

É hora de repetirmos uns aos outros, olho no olho, o alerta de Samuel: “não vos desvieis”. E quando falarmos, não esquecer que desviar será sempre de alguém e de algo. O que Satanás deseja é nos distrair, nos envolver com futilidades, de tal modo que esqueçamos “de quem” somos e “para que” somos. O alerta de Josué e Samuel era neste sentido. No Novo Testamento Pedro deixa isto ainda mais patente: “mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as grandezas daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz” (I Pe 2.9).

Duas coisas, das quais você não pode se desviar: do Senhor e da missão que Ele lhe deu. Faça do Senhor seu único Deus, ame-o com todo o seu coração, força, alma e bens. Priorize a obra do Senhor. Sua missão neste mundo é anunciar as grandezas daquele que lhe chamou das trevas e da perdição, para a sua maravilhosa luz e salvação. O Senhor e sua obra de salvação, eis as duas prioridades de sua vida. Não se desvie do Senhor! Não se desvie da obra do Senhor!

 Pr Gilvan Barbosa

Nuvem de tags